22/12/2014

Digam-me lá se não é verdade o que eu já acho há anos: que escrevo melhor nos comentários dos outros do que nos meus próprios posts

Reparem na beleza, e também na subtileza disto, que deixei no blog da Panda:

Conseguem ser ainda piores os paizinhos que se vestem de uma psicologia que eles próprios inventaram, que é "se ignorarmos, passa-lhe a birra", ou "já viram o que eu fiz? Uma criança! Não sou espectacular? É que mais ninguém é capaz de dar uma tão bem dada como eu dei daquela vez...". É que a birra não passa, e os outros defecam na grande arte que foi, "daquela vez", dar uma tão bem dada que saiu aquele monstrinho associal.

(eh, pá, eu bem digo que os meus comentários conseguem ser melhores que os meus posts)

(canek. Acho que vou fazer copy para o meu blog. Sou tão boa)

E não, não estou a chamar a mim (o assunto d) as criancinhas, para ter mais visitas e comentários. Isto é o que eu acho, mas eu sou, ao contrário de muita gente que caga (ou peida, entendam como quiserem) sentença no assunto, abalizada para cagar a minha.

8 comentários:

  1. Anónimo22/12/14

    Escreves mal nos dois sítios. Tsss, tsss, convencida.

    (Já há muito que não era uma anonifrustrada.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai, linda-fofa, por onde tens andado, que me tens feito tanta falta?

      Pois escrevo, sou uma analfabruta, môri. E a vontadinha que me despertaste agora de mandar alguém...

      Vai cagar à mata!

      Cá cinco :)

      Eliminar
    2. Logo vi que tinhas tido saudades. Nunca se esquecem pessoas assim, fofuchas.

      Eliminar
    3. Tens uma anónima muito fofinha :D

      Eliminar
    4. Tem sido tão prestativa :D

      Eliminar
  2. Os comentários são bons, mas os posts são o máximo! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohhh :)
      Que exagero tão saboroso...

      Eliminar