29/04/2015

Dúvidas que me assaltam à mão armada nos locais mais inóspitos

É a Nespresso outra vez.

Uma pessoa fica ali, com o cartãozinho maricas, à espera de vez, que até parece que está nas Finanças ou na Segurança Social, o monitor plim, A-251, o nosso é o A-389, ou talvez o B-174 e até julgamos que já passou a nossa vez, plim, não passou nada, nós somos A, plim. Aquilo a mim desperta-me a matemáticas aplicadas frustrada que há em mim, ponho-me logo a fazer contas, faltam 45 pessoas (por hipótese), estão dez balcões abertos, a média de demora no atendimento são cinco minutos a cada alma - cafezinho mariconso ao balcão incluído, posso ser útil em mais alguma questão? [Podes, desliza] -, dá para mais de vinte minutos de espera, não aguento, plim, vou para as lojas?, não, passa-me a vez e depois tenho que fazer o choradinho, plim. Nem sei como é que não me saiu o 69, avassaladora é a quantidade de vezes que o dispensador das senhas me distribui o magic number, cá para mim é um sinal e eu só duro até aos 69, ai, não, que já levo 84 no lombo, plim, visto assim, por este prisma - erecto, estou em pé - 69 no lombo até é pouco, já não morro nova.


Estou ali a observar aquelas milongas e mesuras, e não há vez que não fique assim parva e estúpida e camela e anormal a olhar para a parede, que fica atrás dos funcionários, onde está aquela estante de cinco metros de altura, cheia de caixas.


E assalta-me:

1. As caixas lá de cima estão vazias?
2. As caixas lá de cima estão cheias de café podre?
3. Quem é que pôs as caixas lá em cima?
4. As caixas lá de cima, um dia, vão descer?
5. Quem é que vai buscar as caixas lá de cima?
6. As caixas lá de cima são a fingir (só fachada)?
7. As caixas lá de cima são caixões e têm pessoas mortas lá dentro?
8. Para onde é que vão os corpos dos chineses, quando eles morrem?

Depois tomo um café naquele balcão meio paneleirote, em calhando, calha a horas que já não devia, e não durmo, assolada de dúvidas e cafeína mesmo por baixo do cabelo.


23 comentários:

  1. Ahahahah a pergunta número 8 deixa-me inquieta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No seguimento da 7, portanto :D

      Eliminar
  2. Será que os chineses só comem mesmo uma vez por mês? Porque é que não encomendei em casa. Eu só quero o mesmo aviamento das últimas 237 vezes. Acho que vou levar também o do after eight, para variar. E depois quem é que bebe a mistela? Não posso esquecer os quadradinhos de chocolate. Aquela não. Aquela não. Despacha-te xoninhas, que ainda me calha aquela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o questionário pidesco: Olá [ui, ui], como está? Posso-lhe perguntar como é que está a sua máquina? Pode-me dizer o seu número de sócio [existe mesmo algum terrestre que responda a isto?] ou contacto telefónico? Já experimentou o nosso novo sabor a chichi de gato? Estou aqui a ver, no nosso sistema, que gosta de sabores intensos [mau], está disponível para provar o nosso abaya-abaya, das arábias, com um grau de intensidade semelhante ao que costuma levar [e um preço astronomicamente mais eleavado, mas eu hoje até estou com cara de otária]? Está a par da nossa campanha, se até hoje comprar 1538 cápsulas, recebe uma chávena exclusiva? Número de contribuinte na factura, vai desejar? Posso meter a factura juntamente com o seu café? Deseja tomar um dos nossos cafés? Açúcar ou adoçante? Deseja pauzinho? Mais alguma questão em que possa ser útil?
      [Rendo-me. Dá lá isso para assinar. Como é o meu nome, mesmo?]
      Saio cheia de tiques. E quase, quase, em síndrome de Estocolmo.

      Eliminar
    2. Anónimo5/6/15

      Eis um comentário de quem não faz nada da vida a não ser desrespeitar o trabalho de pessoas que dão o seu melhor diariamente! Muito digno sim senhora vir para a praça pública gozar com quem trabalha! Tenha vergonha!

      Eliminar
    3. É verdade. Quanta maldade junta numa só pessoa.
      Todos dão o seu melhor.

      Eliminar
    4. Anónimo5/6/15

      Maldade não corrijo....arrogância!

      Eliminar
    5. Corrijo: as duas coisas.

      (mas será que, algum dia, me vai sair na sorte uma anónima que saiba colocar as vírgulas? É sempre esta cegada, camandro!? Puxa, que sorte maldita!)

      Eliminar
    6. E esses 4 pontinhos, e um outro sinalinho, tão pessoais, tão denunciadores...

      Eliminar
    7. Anónimo5/6/15

      Ganhe juízo!

      Eliminar
  3. Ehehehhheehhh!
    Um espectáculo de LP !
    LP no seu melhor !
    ;)

    ResponderEliminar
  4. Anónimo1/5/15

    Apreciei sobretudo a questão 8 visto ser também uma das minhas dúvidas, entre outras que envolvam Chineses!

    Em relação do drama da compra das cápsulas, honestamente não sei como vocês conseguem. É óbvio que gosto muito de beber o meu café no conforto do lar mas, perder tempo em filas para comprar cápsulas dispenso.
    Enquanto estou na fila vou antes a um café jeitoso e bebo o meu Delta.
    Filas nas Finanças, Ctt, etc compreendo, para cápsulas não obrigada.
    Essa foi uma das razões que me fez optar por outra máquina, no caso a Dolce Gusto. Compro café sem stress e filas, óptimo.
    A minha mãe, por exemplo, tem Nespresso mas manda vir online, no dia seguinte tem a encomenda em casa!

    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei como é que me escapou responder a este comentário.
      Vi-o agora, por força de outras circunstâncias.

      Soubesse eu o que sei hoje, e teria comprado a Delta — cápsulas à venda no supermercado, um café delicioso, cápsulas de chá, etc.
      Também já mandei vir online, mas fartei-me. E tinha que mandar vir 200 cápsulas, para que o transporte fosse gratuito...

      Beijo

      Eliminar
  5. Anónimo5/6/15

    Boa tarde,
    Dou graças por viver num país onde a liberdade de expressão se exerce. O que chateia é que existe tanta coisa séria para comentar e estamos a perder tempo com inutilidades. Não sei nem quero saber, o quanto deve ser dificil para um funcionário de certas marcas, ter o discurso robotizado, trabalhar horas a fio de pé e ter que atender, que acredito que haja e muitos, clientes completamente " Estafermos". Até concordo que poderia ser menos torturoso comprar café, porque aliás, é só isso, Café. Mas temos nós o direito de humilhar quem trabalha? Sabemos o que é estar daquele lado? Gostaríamos de no nosso local de trabalho, sofrer humilhação?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, senhora, tanta meia por coser, tanto tacho para arear, tanta criança ao abandono, tanta pomba assassinada (não necessariamente por esta ordem), e a senhora aqui, a perder tempo com esse discurso lamechas!? Faça-me o favor, quem é que humilhou quem?
      Andor, mas é!

      Eliminar
    2. Anónimo5/6/15

      O blog não devia ser porca linda mas porca desocupada! Olha oh porca vai trabalhar!!

      Eliminar
    3. É verdade. Vou mudar. Espera aí um bocadinho.

      Eliminar
    4. Epá, por amor de Deus, que estupidez. Esta gente tem a lábia toda. Dar a cara é que está quieto(a).

      Eliminar
    5. São sempre as mesmas duas. Um destes dias canso-me de brincar.

      Eliminar
  6. Talvez mais anónimos alcoólicos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahaha, boa! :D
      Isto é raiva feminina, muito mais poderosa do que álcool.

      Eliminar