09/01/2015

Porca afaga a porca


Este é o momento em que Linda Porca se aproxima da porca, levemente a medo (de salientar o pé-ante-pé), porque a bicha apresenta o focinho de ladex e nunca se sabe.


Mais confiante, acocora-se - não vai cagar na mata, embora pareça um pouco - e pondera tocar no focinho da porca, que continua a cabecear.


Nesta foto, podemos verificar que já existe contacto físico entre Porca e porca, chegando mesmo uma a tocar no focinho da outra, o que denota confiança mútua e, por que não dizê-lo?, amizade.

~

Special thanks to Pedro dos Leitões e ao senhor do parque de estacionamento, que preferiu fingir que não via nada do que se estava a passar ali à porta do restaurã.

34 comentários:

  1. VInha lançada para escrever "EU SEI ONDE ESTIVESTE!"...

    :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou com o Salazar, que era o 'Esteves': Nunca ia estar em lado nenhum, já tinha sempre estado.
      Ele, era para evitar os atentados.
      Eu, é para evitar as hordas de fãs.

      :P

      Eliminar
    2. E eu tão perto...

      Eliminar
    3. Já eu, tenho que esgalhar 200 para lá e outros 200 para cá, se quiser afagar a minha menina, e devorar os porquinhos todos, feita loba má...

      Eliminar
    4. mas, afinal, és loba ou porca?!

      Eliminar
    5. No Pedro dos Leitões, sou o mais loba que há, vestida de Porca, com saia de leoparda.

      Eliminar
  2. Na segunda foto, parece que vais ao cocó!!?
    Mas essa saia, não é a mesma saia que fez o velho de 85 anos perder a placa e o padre rezar 2 "Pais Nossos" em casa no duche?? :P :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E ia, mas impediram-me.

      Já estás a confundir os homens. Esta foi a que pôs o padre a falar em comer o corpo. Sim, é sempre a mesma, já cheira a estrume. :P

      Eliminar
    2. Pois!! ...parece que não tens outra saia para despir!

      Eliminar
    3. E não tenho. Sou uma bandalha :P

      Eliminar
    4. Gabo a coragem de quem te leva à rua a passear... :P

      Eliminar
    5. Não estou a perceber onde é que queres chegar, sou-te sincera... :P

      Eliminar
    6. Isso... eu quando quero, também sou muito despercebido!! :P
      O que vale é que as pessoas percebem que és de Lisboa e dão-te um desconto. :P

      Eliminar
    7. Hoje estás pior.
      Tens que ir tomar as tuas gotinhas.
      :P

      Eliminar
    8. Afaga a porca... afaga a porca... :P

      Eliminar
    9. Vocês subestimam-me, mas ainda vou fazer da porca um local de culto, arrasto multidões para me verem afagá-la e impinjo a cura para grandes males (designadamente coxa grossa) através de rezas e cantares. Será este o meu nicho.
      De mercado, de quê mais? :P

      Eliminar
    10. Afagar a porca faz diminuir a coxa?! ...fosse assim tão fácil e as porcas andavam todas esbardalhadas de tanto afagamento!! :P :P
      Ah ah ah ah ah ah... peço desculpa.
      e as pessoas que querem e gostam de coxa grossa? Quem é que afagam ???

      Eliminar
    11. :D serás normal, tu?
      Estás desculpado, eu não sofro desse mal.
      Essas não afagam aquela porca. Afagam-se a si mesmas.

      Eliminar
  3. Ai, gosto muito do teu cabelo! É parecidíssimo com o meu! :D

    Quanto à saia... parece-me que estás a desafiar a sorte! Onde já se viu um suíno vestir pele de onça? Estás a pedi-las! xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também, mas às vezes irrita-me. E dá-me uma trabalheira :)

      Por acaso, quando estava a editar as fotografias, também pensei no risco que corri! Vou mazé oferecer-me para apresentar este número no circo e ficar rica, rica! :D

      Eliminar
  4. Nada me comove mais que momentos de pura amizade como este

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sei que saí de lá com uma lágrima ao canto do olho e prometi voltar.

      Eliminar
  5. Já eu, não visto uma saia desde o verão....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu visto muito, tudo me prende os movimentos...
      Mas olha que, se o motivo é o frio, há collants bem quentinhos :)

      Eliminar
  6. cenário idílico com conteúdo de "ir às lágrimas!"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto ou foi um encontro familiar, ou foi aquela coisa das great minds!

      Eliminar
  7. É a primeira vez que vejo uma Porca de saia, mas tá bem...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Porca só usa saia porque, ao contrário das outras porcas, não pode levar tão ao pé da letra o lema de que o que é bonito é para se ver, e andar assim como elas, como veio ao mundo.

      Eliminar
    2. Bons presuntos parece ter a Porca.

      Eliminar
    3. Capaz de tomar isso como um elogio.
      No Verão, chegam ao ponto de uns bons Pata Negra.

      Eliminar
  8. Que tipo de manchas são aquelas na cara da Porca?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um nevoeiro denso que baixou ali, um verdadeiro fenómeno milagroso. Parecia mesmo uma herpezinha labial, estendida à testa.

      Eliminar
  9. :)))) um momento único de coragem e confraternização!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda arrisquei ficar-me logo ali, parecendo que não :D

      Eliminar