06/01/2015

Bolo Princesa - LP dá a receita

Inventei eu.
Propus à Uva Passa se queria uma parceria. Não me passava pela cabeça proceder ao extermínio de uvas passas sem lhe pedir opinião, por uma questão de amizade e, sinceramente, também de associação de ideias. Ou superstição.

Môres, vou/vamos ficar rica/s.

Alguém, um dia, se apercebeu que o povo detesta fruta cristalizada, retirou-a do Bolo Rei e criou o Bolo Rainha. 

O Bolo Rainha é delicioso, tanto quanto o Bolo Rei, por ser igual, mas diferente: não tem aquele figo de pernas abertas em cima da coroa, nem aquele enorme pedaço de pêra, nem as cerejas no topo do bolo que, apesar de mimosinhas, são tão enjoativas como qualquer outro cristalizado. O povo passou a comer melhor o Bolo Rei, agora despido da cagança das pedras preciosas (conforme sabeides, o Bolo Rei tem a forma de uma coroa de rei... mago), 

e ninguém se questionou que nunca se aproximou do presépio nenhuma rainha maga, porque, se fosse o caso, eventualmente levaria consigo um qualquer feitiço para O desviar do bom caminho - um aroma? -, já que ouro (rei), incenso (deus) e mirra (homem) já os três homens levavam com ele. 

Bom, eu vinha ao Bolo Princesa, o tal que fui eu que inventei, não era? Ando a tentar reduzir o tamanho dos meus posts (cala-te, pá), mas não está fácil.
Ora bem, 

A receita: 

A pessoa vai à internet e copia (à mão e a lápis, para um caderninho, que é para ser mais tradicional) a receita do Bolo Rei, retira-lhe as frutas cristalizadas e as uvas passas e está feito. 
Em alternativa, vê a receita do Bolo Rainha e retira-lhe as uvas passas. 

Pretendo igualmente ressuscitar (Aleluia!) o brinde e a fava, que já cá fazem muita falta. Antigamente até ceninhas com um alfinete valiam. A mim saíram-me muitos brindes (eu aldrabava um bocado o esquema, porque partia o bolo todo às fatias mal o apanhava a jeito), mas, em compensação, também muitas favas, o que veio a revelar-se metafórico para o resto da minha vida. 

Vá, vão lá para a net, depois para a cozinha, antes que eu mude de ideias, registe a patente e ôda isto tudo.

14 comentários:

  1. Bolo rainha para mim. Pode ser? É já a seguir.
    Bom dia, LP.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, uma baixa no meu negócio.
      Está bem. Um bom Dia de Reis, com bolo da consorte.

      Eliminar
  2. Eu gosto do bolo rei careca e tostado...eu explico...primeiro retiro-lhe tudo o que trás por cima, depois torro com manteiga e só depois...Hummmmm....siga:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá está! É o Bolo Princesa :)
      Bolo Princesa bronzeada ali para a menina Suricate, SFF.

      Eliminar
  3. Eu voto no bolo princesa, embora me sinta assim a modos que destronada....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, majestade. Para além da Uva, também te devia ter proposto parceria a ti. É o mesmo que um de vocês montar um negócio de porcos e não me dizer nada.

      Eliminar
  4. Falta ali um ingrediente começado por F, ali na última frase :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Trata-se da minha forma de falar sem dizer :)
      É como os genitais.

      Eliminar
  5. Falaste em negócio? Vou-me já pirar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falei. Mas agora já estou sóbria.

      Eliminar
  6. Quando era criança, tirava tudo do bolo, excepto a massa do bolo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas tudo-tudo-tudo, é pena...
      Os pinhões, as nozes, as amêndoas, os amendoins... ai! :)

      Eliminar
  7. "Ando a tentar reduzir o tamanho dos meus posts" e eu a tentar ir à Lua!!

    ...é provável que eu me desenrasque primeiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já te disse que te calasses. Chipça penico.

      Eliminar