21/01/2015

Eu tenho uma amiga dos caralhos

O que não é a mesma coisa que uma amiga do caralho. Mas também não quer dizer que ela não seja do caralho.

Se eu pudesse representá-la graficamente, seria uma boneca alta e magrinha, mais encaracolada do que eu, com uma braçada de caralhos nos braços (redundância necessária, ó), toda risos.

Foi a melhor de todas as amigas que a blogosfera me trouxe até agora, esta que me apanha à noite - ou sou eu que a apanho? - e me enche o chat de caralhos. Não sei como é que ela percebe, à distância de 300 quilómetros a que estamos uma da outra, mas entra no chat, e, mal eu digito duas ou três palavrinhas, já sabe que, ou me mete lá os caralhos dela, ou eu deixo-me ir com os porcos e passo uma noite do caralho. Porque há dias que são mesmo do caralho. E parece que a noite é inimiga do sossego, nesses dias. Não sei como é que ela sabe, mas sabe. É que é tão delicada a mandar-me caralhos via chat, que eu nem os sinto, isto é possível? Nunca me mandou para o caralho, não é isso. Percebam que é muito diferente ser a amiga do caralho e ser a amiga dos caralhos. Mas nem há espaço, entre nós, para que isso aconteça. Ainda se eu entrasse com uma frase do estilo "Miga, pxiso de ti, tô dói-dói", ai, era limpinho. Mandava-me, e mandava-me muito bem mandada. Essa é a tónica típica que até a mim, que sou este poço de abnegação, me faria mandar alguém directamente para o caralho. Mas os caralhos dela são diferentes. São certeiros. Bem metidos. Não ferem. Nem ouvidos nem susceptibilidades. Por exemplo, "Não penses mais nisso, caralho". A pessoa retém o quê, desta mensagem? Não penses mais nisso. E não pensa. Ou então, "Deve ser feio para caralho". Qual é a mensagem que se fixa aqui? Deve ser feio. Ou ainda, "Mas por que é que essa gaja não vai chatear o outro gajo, ou o caralho?". Só me fica Mas por que é que essa gaja não vai chatear o outro gajo?

Ontem a coisa atingiu proporções épicas, porque nunca fálicas:

LP - tu matas-me a rir. posso estar na merda com as tristezas ou com as raivas, lá vens tu com os teus caralhos e matas-me a rir.
Sister VNão morras, por favor!
LP não, não, isto é tudo metafórico. olha agora "coitada, foi-se, com os caralhos"
Sister V:D
LP:D  finou-se de tanto caralho.
Sister VAqui jaz uma finada dos caralhos.

Isto é assim. Dos caralhos.

20 comentários:

  1. Queres fazer-me chorar logo pela manhã, caralho? ;)

    (Nunca pensei ser possível criar laços através dos blogues. Estava enganada. Isto "não são só blogues". Claro que a LP - e a sua mentora - é fantástica e isso também conta muito. :) Beijinhos, companheira!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quero, genitais :) É um choro bom.

      (Nem eu algum dia imaginei ser possível. Sou lá agora. You rock, chap! :)

      Eliminar
  2. Bom dia. Permita-me opinar.
    Não sei se aprovo o léxico peninano deste post. ...
    Fico muito sensível com tamanha desfaçatez no uso da palavra "pénis" na sua forma de calão.
    Estou chocado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia, Flor.
      Mas onde é que aqui se fala em pénx, genitais?
      Mania de ler nas entrelinhas.
      Ainda tenho um esgotamento nervoso, escreve o que te digo.

      Eliminar
    2. Não concordando com o termo associado a plantas, que é "Flor", prossigo a minha cruzada conta o palavrão.
      Todos devíamos escrever em "bom português", sem andar com um escroto atrás, nem um falo por entre os dedos cada vez que escrevemos!
      E aquela forma do calão, usada para dar ordem a outra pessoa, que vá ter um acto sexual consigo própria?
      Meu Deus, onde é que já chegámos!!?
      E mesmo quando as pessoas usam o termo exclamativo da referida "ordem a outra pessoa, que vá ter um acto sexual consigo própria", aquele que rima com "coza-se"?? ...mas porquê??
      e a língua portuguesa é tão rica e tão bonita.

      Sabes, é que não havia necessidade.

      Eliminar
    3. Está bem.
      Tu não és o mesmo que, ontem à noite, veio aqui comentar isto: "Same Old Guy20/1/15
      Foda-se!! Dizer "caralho" num blogue!?! ...que badalhoquice!
      Amanhã não venho cá... sou sensível :P", pois não? :P

      Eliminar
    4. Wow!!! Fico ofendido com o léxico usado para refutar o meu comentário.
      Senhora dona Linda de Porca, digo-lhe que não fiz nada para ler tais considerações que ferem os meus olhos só de ler.
      Por favor, mantenha o civismo, tal como que o tenho feito.

      Eliminar
    5. Ai, gostei tanto de 'Linda de Porca'. Lembra-me a outra da valise en carton, mas em chique :P

      Homem, eu sou uma lady, genitais. Cá beijinho.

      Eliminar
    6. Não partilho do léxico utilizado, entrando não sei bem o que será "cá beijinho", mas darei um cumprimento cordial.

      Muito respeitosamente e aceite um aperto de mão virtual deste seu seguidor,

      S.O.G.

      Eliminar
    7. Gostava de estar à altura, largura e comprimento desejados. Se não o estou peço desculpa, mas dou o meu melhor, de qualquer forma.

      Obrigado.

      Eliminar
    8. Eu não falei em proporções. Deves manter a calma.
      Referia-me à cabeça.

      Eliminar
  3. Eu não digo palavrões. Uso interjeições e são todas em português :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E diz-me sinceramente: tu achas que era possível descrever um diálogo entre nós, nem que fosse de duas meras frasezinhas, sem escrever a tal palavra? Punha o quê? Pénx? Genital masculino? Órgão masculino? Pila? Mastro? Pau? Verga?
      Mas se não é isso que tu dizes, verga! Nem é a isso que te referes, pau! É uma interjeição, mastro!
      Ia ficar esquisitíssimo, genitais...

      Eliminar
    2. Ai, credo! Nem pensar em usar substitutos. Ficaria estranho para "coiso"! :D

      Eliminar
    3. Podes crer, coiso! :D

      Eliminar
  4. Ké ké isto!?!?!? Abandalha-se, assim, o pénis mailindo do planeta? Recuso-me a interiorizar este post.
    Tá mal, kum cara... pois, travei a tempo :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mailindo? Olha agora...
      Sai-me cada um na rifa... :P
      Não interiorizes. A mim parece-me que tu não és desses :)

      Eliminar
    2. Nem tudo o que parece, é.

      Eliminar
    3. E Deus ajuda quem cedo madruga.

      Eliminar