27/06/2016

Juro que não sei o que é que se passa ao nível da celeuma com os animais

Estive todo o dia longe destas lides, e liguei-me à máquina neste momento. Mas tenho o feed, que me diz que algo se passa. Não li notícias, não tenho facebook, estou fora da caixa, da bolha e, quem sabe, da realidade.
Mas estava a pensar em mim e depois lembrei-me de mim. 
Há quatro dias atrás, estava eu no Algarve, num hotel soberbo, colado a um extenso campo de relva e vegetação vária. Tudo muito verde.
Deu-se que, antes de jantar, me deu aquela retraça que dá aos miúdos quando vêm da night. A mim, deu-me antes. Tinha na malita um pacote de frutos secos, onde se incluíam passas de uva. Comi, comi, comi, e depois fui pôr-me bela para o jantar e deixei alguns restos em cima da cama. Quando voltei, eram 3:30 da manhã, e ia mergulhar de cabeça na cama quando me apercebi de um formigueiro, composto se não por centenas, pelo menos, dezenas de formigas, em cima da minha alva cama, rondando o pacote, adentrando nele. 
Ora, eu, morta e podre, pés a latejar de tanto dançar, sozinha no quarto, era assassinar aquilo tudo, que ninguém ia ficar a saber. Crime perfeito.
Não fora ser parva.
Peguei no pacote, cheio de formigas, e meti-o no lavatório. Tive o cuidado de fechar o ralo, para que não houvesse um acidente com alguma que caísse por lá abaixo. Sacudi, cuidadosamente, as imensas formigas que ficaram na cama, atirando-as para o chão. (São invertebrados, não sofrem fractura da coluna.) Voltei ao lavatório e meti o saco dos frutos secos no cesto dos papeis, destapado (para poderem respirar ou sair dali, se quisessem). E depois, tirei as formigas que ainda estavam no lavatório, quase uma a uma, com papel higiénico, e juntei-as aos frutos secos e às outras, que já estavam no cesto.
E fui dormir, muito descansada.


8 comentários:

  1. Que pachorra !!!!
    E não sonhaste com formigas ?

    ResponderEliminar
  2. Que crime, pá...
    ...como é que consegues viver com a tua consciência?

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem picadas de formiga :)

      Eliminar
    2. Ah! Pois, não me tinha lembrado disso...

      :)

      Eliminar
    3. Ficaram entretidas com as passas de uva, lá para o cesto dos papeis :)

      Eliminar
    4. O que é um crime ainda mais inominável! Desperdiçar assim frutos secos...

      :)

      Eliminar
    5. Devia ser presa :)

      Eliminar